Segurança na cozinha: 5 formas de evitar acidentes com crianças

Criança quebrando ovo na frigideira. Ela está sentada em cima do balcão. Seu pai está ao lado

Você, que é pai ou mãe, se preocupa com a segurança na cozinha? Esse cômodo é um dos favoritos dos brasileiros e é comum que as crianças queiram explorar o local. Mas cuidado: esse é o local em que mais acontecem acidentes domésticos com pequenos.

Por isso, separamos dicas simples para dar segurança para você e seus filhos. Confira:

1) Esqueça o vidro

O primeiro passo para ter segurança na cozinha é observar o tipo de material que está sendo usado. Por exemplo: utensílios de vidro são comuns, mas eles podem se quebrar facilmente e causar cortes e feridas com os cacos. Por isso, devem ficar fora da sua cozinha.

Atualmente, já existem materiais muito mais resistentes e que são liberados para as crianças. É o caso do policarbonato e do polipropileno. Eles são até 250 vezes mais resistentes que o vidro, 100 vezes mais que a melamina e 35 vezes mais que o acrílico. 

Todos os produtos da Vem são fabricados nesses materiais, que além de não quebrar, têm uma aparência sofisticada que vai deixar sua cozinha elegante. 

2) Olho no forno e fogão

Crianças são curiosas e gostam de explorar os ambientes. Por isso, podem querer escalar o fogão, abrir o forno e até puxar panelas. Para evitar esses acidentes, mantenha os cabos de panelas voltados para dentro do fogão e fique de olho para evitar que a criança se arrisque. 

Assim como você deve manter isqueiros, palito de fósforo e outros acendedores fora do alcance dos pequenos. 

Vasilhas, bowls e outros recipientes quentes também podem levar a queimaduras. Portanto, invista em utensílios que não esquentam. Isso vai te dar muito mais tranquilidade no dia a dia. 

3) Deixe as crianças longe de facas

Cozinhar pode ser uma tarefa para a família toda. Além de ser uma oportunidade de criar laços, ajuda as crianças na relação com os alimentos e na coordenação motora.   

Mas não se esqueça que nem todas as etapas de uma receita podem ser feitas pelos pequenos. Cortar, fatiar e picar ingredientes podem levar a cortes. Por isso, deixe as facas e tesouras culinárias longe dos seus filhos. Esses utensílios devem ser manuseados apenas por adultos.

Garantir a segurança na cozinha também é deixar esses utensílios longe das crianças.

4) Seque bem o chão

Durante o preparo de uma refeição, pode acontecer de água ou óleo caírem no chão. Mas o que é comum pode representar um perigo na cozinha: as crianças podem escorregar e levar tombos que podem causar desde hematomas até fraturas.

Então, mantenha o chão sempre limpo e seco. É uma atitude simples e que evita muitos acidentes.

5) Escolha bem o que vai ao microondas

Este não é um acidente ou um perigo visível. Mas você só deve levar ao microondas vasilhas com indicação do fabricante. É que materiais inadequados podem liberar substâncias tóxicas, que causam danos para a nossa saúde.

É o caso do BPA ou Bifenol A, uma substância liberada por vários tipos de plástico que pode causar desequilíbrio hormonal e problemas neurológicos.

Por isso, antes de colocar um recipiente no microondas, certifique-se que é seguro fazê-lo. Uma forma, por exemplo, é conferir no site da marca ou no próprio produto se há a indicação.

Segurança e estilo na cozinha

Manter uma cozinha segura não significa investir em utensílios sem graça. Invista em produtos com cores e design que mais te agradam, mas sem deixar os cuidados de lado!.

Aqui na VEM, temos copos, jarras, pratos, bowls e muito mais. Clique aqui para comprar agora e aproveite a cozinha com seus filhos 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *